30/01/2011

Procedimento de Recarga de Fluido Refrigerante

Procedimento de Recarga de Fluido Refrigerante
 
Quando um sistema de refrigeração necessitar de algum tipo de manutenção e exigir a abertura do mesmo para a substituição de algum componente mecânico, ou quando o sistema de refrigeração foi violado (vazamentos), há a necessidade da troca do filtro secador, evacuação do sistema e carga de fluido refrigerante (reprocesso). Veja a seguir os procedimentos de recarga de fluido em um sistema de refrigeração:

 
  • Primeiro feche o registro do sistema;
  • Em seguida feche o registro da bomba de vácuo;
  • De posse do manifold (instrumento para medição da pressão no sistema de refrigeração), conecte a mangueira do centro no cilindro de fluido refrigerante;
  • Conecte também a mangueira da esquerda no registro de serviço do compressor;
  • Em seguida abra o registro do cilindro de fluido refrigerante abrindo também o registro da esquerda do manifold;
  • Agora purgue o ar da mangueira deixando sair um pouco de refrigerante na extremidade que está conectada no registro de serviço do compressor. Depois feche o registro com moderação;
  • Realizados estes procedimentos, abra o registro e deixe a pressão do cilindro equalizar com a pressão do sistema;
  • Quando a equalização for completada, feche o registro da esquerda no manifold;
  • Depois de realizados este procedimento coloque o termostato na posição máxima e conecte o equipamento na rede elétrica;
  • Observe ainda, com o registro da esquerda do manifold fechado, a variação da pressão de sucção, lida no manômetro azul do manifold. Esta deverá estabilizar-se na faixa de pressão correspondente à capacidade do equipamento (consultar tabela);
  • Caso a pressão fique abaixo desta faixa, abra o registro da esquerda do manifold para inserir mais fluido refrigerante no sistema;
  • Quando a pressão atingir esta faixa, pare de inserir fluido refrigerante no sistema;
  • Verifique se a distribuição do frio está homogênea na linha de baixa pressão (evaporador);
  • Aguarde o equipamento desligar normalmente pelo termostato.

19/01/2011

Graduação em engenharia cresce, mas ainda é insuficiente!

Levantamento divulgado quinta-feira, dia 13, pelo Ministério da Educação mostra que o número de formados na área de engenharia cresceu 67% em cinco anos - após quase duas décadas de estagnação. O mercado diz, porém, que o volume ainda é insuficiente para atender a demanda. De acordo com o Censo da Educação Superior, o número de concluintes no setor subiu de 33 mil para 55 mil entre 2004 e 2009. Mas, mesmo com o crescimento, o Brasil está muito atrás de outros países em desenvolvimento, como a Coréia do Sul (80 mil).

Devido à carência na área, empresas acabam contratando estrangeiros. Segundo Nival Nunes de Almeida, da Associação Brasileira de Ensino de Engenharia, o Brasil precisaria formar 80 mil engenheiros/ ano, de acordo com um estudo feito com a Confederação Nacional da Indústria. Almeida ressalta que parte dos engenheiros vai para o mercado financeiro e não para o setor produtivo.

Demanda alta
Responsável pela área técnica do Sindicato da Indústria da Construção Pesada de São Paulo, Hélcio Farias afirma que o aumento de formados na área é positivo. No entanto, diz, a demanda cresce mais rapidamente.

Os dados oficiais mostram que, além da quantidade, há também o desafio de melhorar a qualidade. A última avaliação mostrou que um em cada quatro engenheiros se forma em curso reprovado.

Estagnação
O censo do Ministério da Educação confirmou que há uma tendência de aumento de concluintes para lecionar matérias carentes no ensino básico (física, química, biologia e matemática), mesmo que em uma quantidade insuficiente.

Outra constatação presente no levantamento é que o ritmo de crescimento universitário perdeu força, ainda que cerca de apenas 15% dos jovens estejam no ensino superior. A meta do governo é chegar a 33% até 2022. A comparação com dados dos anos anteriores, no entanto, foi prejudicada, pois o MEC tornou mais rígida a coleta de informações.

“O panorama não é bom. Há 40 mil vagas públicas ociosas e 1,6 milhão na rede privada. O governo precisa atuar para preenchê-las”, disse Oscar Hipólito, do Instituto Lobo e ex-diretor da USP - São Carlos. Fonte: Folha Online - 17/01/2011

17/01/2011

Curso de Refrigeração e Ar Condicionado via Email



Curso de Refrigeração e Ar Condicionado via Email


Confira abaixo alguns tópicos do curso:

  • APOSTILAS DE REFRIGERAÇÃO
  • APOSTILAS DE AR CONDICIONADO
  • APOSTILAS DE TERMODINÂMICA
  • APOSTILAS DE REFRIGERAÇÃO INDUSTRIAL
  • BOAS PRÁTICAS DE REFRIGERAÇÃO
  • APOSTILAS DE ELETRICIDADE INDUSTRIAL
  • APOSTILAS DE AUTOMAÇÃO
  • APOSTILAS DE ELETRÔNICA
  • APOSTILAS DE MECÂNICA INDUSTRIAL
  • PROCEDIMENTOS DE MANUTENÇÃO
  • CIRCUITO DE REFRIGERAÇÃO
  • VÍDEO AULAS COM PROCEDIMENTOS DE SOLDAGEM DE TUBULAÇÃO
  • VÍDEO AULAS COM PROCEDIMENTOS DE RECOLHIMENTO, RECICLAGEM E CARGA DO FLUIDO REFRIGERANTE
  • PROCESSOS DE VÁCUO NOS SISTEMAS DE REFRIGERAÇÃO
  • PROCEDIMENTOS DE MANUTENÇÃO MECÂNICA
Para adquirir o curso de Refrigeração confirme pagamento através de boleto bancário, transferência eletrônica ou cartão de crédito. Frete grátis para todo Brasil. Após confirmação do pagamento seu curso será enviado imediatamente através de link para download.
R$ 9,90


    Quant.:
      
    Frete Grátis


Leia mais...

QUAL O ESTADO FÍSICO DO FOGO?

Existem compensações extremamente maravilhosas que acontecem na sala de aula! Estávamos discutindo processos industriais, quando o estudan...

Cadastro

Cadastre-se para receber postagens atualizadas:

Digite seu Email

EnviarFeedBurner