03/03/2024

OBRAS DE TERRA - QUESTIONÁRIOS RESOLVIDOS

Questionário 01

Pergunta 1 A realização da compactação de solos é um processo comumente utilizado em obras de terra na engenharia. Sendo realizados para construções de edifícios, aterros, estradas, solo atrás de muros de arrimo, barragens, reaterros de valas, fundações entre outras. Qual é o princípio da compactação? 

  Realizar a expulsão dos vazios pela expulsão da água.

  Realizar a expulsão dos vazios pela expulsão do ar.

  Realizar o adensamento das partículas.

  Realizar a consolidação das partículas.

  Realizar a expansão das partículas.

Pergunta 2 Com relação à compactação dos solos através da curva de compactação é possível obter o peso especifico máximo e a umidade ótima para que seja realizado a compactação em campo. A partir disso, assinale a alternativa incorreta:

  O solo com o peso especifico seco máximo apresenta baixa permeabilidade e menor índice de vazios.

  Os valores da curva de compactação são obtidos no ponto máximo de inflexão da curva

  A curva de compactação é obtida por pelo menos 5 amostradas ensaiada no ensaio de Proctor.

  Neste ponto máximo de inflexão da curva o solo apresenta boa resistência, rigidez e baixa permeabilidade.

  A curva de compactação indica somente o ramo em que o solo está seco ou úmido.

Pergunta 3 Para a determinação dos tipos de solos e seus parâmetros é essencial realizar o ensaio de resistência ao cisalhamento de uma amostra. Por que é importante realizar este ensaio? E quais são os dois principais fatores que envolvem a resistência ao cisalhamento? 

  Para determinar a mínima pressão que o solo pode suportar sem sofrer a ruptura. Fatores: coesão e umidade.

  Para determinar a máxima pressão que o solo pode suportar sem sofrer ruptura. Fatores: coesão e atrito.

  Para determinar a máxima pressão que o solo pode suportar sem sofrer ruptura. Fatores: coesão e umidade.

  Para determinar se o solo é resistente ao equipamento. Fatores: atrito e granulometria.

  Para determinar a máxima pressão que o solo pode suportar sem sofrer ruptura. Fatores: compacidade e permeabilidade. 

Pergunta 4 No ensaio de cisalhamento direto, uma amostra de solo é colocada em uma caixa de aço dividida ao meio. O corpo de prova é carregado inicialmente com uma força vertical N, que corresponde ao uma tensão normal (σ) na seção de área S. Metade da caixa inferior permanece fixa enquanto a tensão normal (σ ) é mantida constante, aplica-se uma força horizontal (T) crescente na metade superior da caixa até romper o corpo de prova por cisalhamento. A partir da reta de ruptura obtida no ensaio, o que pode ser afirmado:

  Se existirem tensões superiores à reta de ruptura, o soo se apresenta estável.

  Valores de tensões na reta de ruptura indicam que o solo está no limite e qualquer aumento de tensão leva a ruptura dos taludes.

  Os pontos em x indicados no gráfico são estipulados pelo observador.

  A reta de ruptura está errada, pois deveria passar linearmente em todos os pontos.

Se existirem valores de tensões abaixo da reta de ruptura, isto indica que o solo perdeu sua resistência ao cisalhamento e rompeu.

Questionário 02

Pergunta 1 Uma das etapas importantes para a avaliação da estabilidade de taludes em solos é a determinação do empuxo de terra. Assim como existem três condições no plano de interação: repouso, ativo e passivo. Qual alternativa está correta em relação aos planos de interação?

  O empuxo é do tipo ativo quando o esforço atua da contenção contra o talude de solo.
  O empuxo é do tipo repouso quando o esforço atua da contenção contra o solo.
  O empuxo é do tipo ativo quando o esforço do terrapleno/solo atua contra a contenção.
  O empuxo é do tipo passivo quando a estrutura se desloca para fora do terrapleno.
  O empuxo é do tipo passivo quando a estrutura não está sujeita a movimentação.
 
Pergunta 2 O empuxo de terra é fundamental para a análise e dimensionamento de obras de contenção, pois a partir do seu cálculo é possível realizar o pré-dimensionamento e verificação de estabilidade das estruturas. Diante do exposto, qual das alternativas define melhor o que é o empuxo de terra?

  O empuxo de terra é uma ação horizontal produzida pelo solo sobre a estrutura de contenção, resultante da distribuição de pressões laterais ao longo da estrutura.
  O empuxo de terra é uma força que vertical produzida pelo solo.
  O empuxo de terra é utilizado somente para estabilizar carregamentos maciços com aplicações permanentes, ou seja, obras definitivas.
  O empuxo de terra é uma força horizontal isolada, que nada tem a ver com a tensão vertical.
  O empuxo de terra é uma característica especifica de cada estrutura de contenção.
 
Pergunta 3 Considere que um muro de arrimo com 8 metros de altura está suportando um solo não coesivo, cujo o peso específico é de 13 kN/m³, e esta areia apresente ângulo de atrito interno de 30°. Pela Teoria de Rankine, qual é o valor de empuxo ativo sobre este muro? E qual é a resultante do empuxo no muro de arrimo? Assinale a alternativa correta que mais se aproxima do valor encontrado.

  254 kN/m³ e a resultante está a 4 metros do nível do terreno.
  254 kN/m³ e a resultante está a 2,67 metros do nível do terreno.
  70 kN/m³ e a resultante está a 2,00 metros do nível do terreno.
  137 kN/m³ e a resultante está a 4 metros do nível do terreno.
  137 kN/m³ e a resultante está a 2,67 metros do nível do terreno.
 
Pergunta 4 A água é um dos fatores mais importantes no dia-a-dia da engenharia, isto porque ela acaba influenciando quase que na maioria dos casos negativamente. Um dos exemplos estão as obras de contenção realizadas para estabilização de taludes.

 Assinale a alternativa correta em relação a influência da água nos cálculos de estruturas de contenção. 
  A tensão total que exerce nos taludes é considerando-se a pressão efetiva e poro-pressão.
  Se não forem realizados sistemas de drenagem no terrapleno, o solo fica saturado e deve-se levar em conta a pressão efetiva que atua no maciço.
  Nos cálculos de empuxo de terra deve-se considerar a soma da pressão efetiva, que é equivalente a pressão total.
  Na maioria dos casos, de estabilização de taludes com estruturas de contenção são realizados sistemas de drenagem no terrapleno para que a água não desenvolva pressão efetiva no maciço.
  Em casos de solos submersos, abaixo do nível da água não muda nada no cálculo do peso especifico e empuxo exercido pelo solo.

Questionário 03

 Pergunta 1 O cálculo do empuxo de terra pode ser obtido a partir de duas principais teorias de RANKINE e de COULOMB. Entretanto existem algumas diferenças entre os dois métodos, conforme as alternativas abaixo o que se pode afirmar sobre elas?

I. Ambas teorias permitem o cálculo do empuxo, entretanto a teoria de COULOMB é mais ampla e considera condições irregulares de geometria muro-solo.
II. A teoria de RANKINE é mais restritiva, uma vez que não considera o atrito solo-muro e somente superfície da parede lisa.
III. A teoria de COULOMB não considera o atrito solo-muro, assim não pode ser usada para superfícies de parede rugosa.
IV. Ambas as teorias consideram variações de solos coesivos e não coesivos; presença de sobrecarga e nível d’água.

  As alternativas II e IV são falsas.
  As alternativas III e IV estão corretas.
  As alternativas I, II e IV estão corretas.
  As alternativas I e III são falsas.
  As alternativas II, III e IV estão corretas.
 
Pergunta 2 Considere que um muro de arrimo com 5 metros de altura está suportando um solo, cujo o peso específico é de 15 kN/m³, e esta areia apresente ângulo de atrito interno de 30°, além disso o terrapleno (maciço atrás do terreno) apresenta inclinação de 10º e atrito solo muro de 20º. Pela Teoria de Coulomb, qual é o valor de empuxo ativo sobre este muro? Assinale a alternativa correta que mais se aproxima do valor encontrado. 

  16 kN/m.
  32 kN/m.
  12 kN/m.
  128 kN/m.
  64 kN/m.
 
Pergunta 3 Com relação as escavações de valas e escoramentos que são utilizados para a execução de diversos serviços na engenharia civil, especificamente nas obras de terra, assinale a alternativa que melhor justifica o que significa esses serviços realizados: 

A. Escavação.
B. Vala.
C. Escoramento.
D. Esgotamento.
E. Fundo de vala.

I – Refere-se ao nível de menor cota, na parte inferior em que a tubulação é escorada.
II – Refere-se a uma abertura transversal, feita mecanicamente ou manualmente para a instalação de tubulações.
III - Usado para retirada da água e desenvolvimento dos trabalhos dentro dela.
IV – São usadas em estruturas para manter estáveis os taludes.
V – Refere-se a remoção do solo de uma superfície natural até a cota de projeto.

  A – I; B – II; C – V; D – IV, E – III
  A – I ; B – II ; C – IV; D – V; E – III
  A – VI; B – III; C – V; D – I, E – II
  A – V ; B – II ; C – IV ; D – III ; E – I
  A – II ; B – III ; C – V; D – IV; E – I
 
Pergunta 4 As escavações de valas são realizadas principalmente em obras de saneamento para a passagem de obras de saneamento, como tubulações de drenagem, água, esgoto, redes de gás e oleodutos. Após a escavação destas valas é necessário realizar o escoramento que servem para evitar o desmoronamento através de contenções laterais. Analise as proposições abaixo:

I. Independe da profundidade da vala, deve ser executado as contenções nas paredes das valas

II. A profundidade da vala deve ser definida para posteriores avaliações

III. O grau de estabilidade do solo influencia na escolha da técnica a ser utilizada como escoramento

IV. São exemplos de tipos de escoramentos em madeira e placas metálicas

V. O método de escavação de vala mais indicado independe do tipo de material a ser escavado 

Estão corretas:

  II, III, V
  II, III e IV
  I, II e III
  III, IV e V
  I, II e V

Questionário 04

 Pergunta 1 Uma das obras mais frequentes em engenharia é a escavação de valas. Fonte de muitos acidentes de trabalho, estas obras merecem cuidado especial por parte de que as executas, o que salva vidas. Os maiores riscos à execução de valas e escavações surgem quando estas são realizadas: 

 I. Abaixo do lençol freático.
II. Sob condições meteorológicas adversas.
III. Obstruindo vias públicas.
IV. Provocando recalques em bombeamento de lençóis freáticos.
V. Onde há falta de espaço suficiente para a operação e movimentação de máquinas.

Estão corretas:
  Apenas as alternativas II, III, IV e V
  Apenas III e V
  As alternativas I, II, III, IV e V
  Apenas II, IV e V
  Apenas I e III
 
Pergunta 2 A NR 18, é uma norma regulamentadora de segurança e saúde dos trabalhadores. No subitem 18.6, referente aos serviços de escavações de valas é importante verificar os seguintes itens para evitar que ocorram os acidentes nos trabalhadores, principalmente os soterramentos. Assinale a alternativa incorreta:

  É importante que as escavações tenham acesso fácil de evacuação dos trabalhadores, para que em eventual acidente saiam rapidamente.
  É importante que árvores, rochas, equipamentos, materiais e objetos sejam escorados e amarrados.
  Os materiais retirados da escavação devem ser corretamente depositados em distância preconizada pela NR.
  Quando houver a presença da água na vala é importante realizar a drenagem superficial e bombeamento através de equipamentos de esgotamento.
  É obrigatório em todas as escavações disponibilizar passarelas e pontes para passagens de veículos.
 
Pergunta 3 Segundo a NBR 9061, talude é uma superfície inclinada do terreno natural, de uma escavação ou de um aterro. Desta forma pode-se subdividir as partes de um talude conforme a figura assinale a alternativa correta.

  1 = corpo, 2 = altura, 3 = talude, 4 = pé, 5 = ângulo de inclinação e 6 = terreno de fundação.
  1 = altura, 2 = corpo do talude, 3 = ângulo de inclinação, 4 = pé, 5 = talude e 6 = terreno de fundação.
  1 = crista, 2 = altura, 3 = talude, 4 = terreno de fundação, 5 = ângulo de inclinação e 6 = pé.
  1 = talude, 2 = corpo do talude, 3 = altura, 4 = pé, 5 = ângulo de inclinação e 6 = terreno de fundação.
  1 = crista, 2 = altura, 3 = talude, 4 = pé, 5 = ângulo de inclinação e 6 = terreno de fundação.
 
Pergunta 4 Existem formas de manter a estabilidade de encostas e taludes, como forma de prevenir, ou seja, aumentar o fator de segurança contra possíveis movimentos de solo ou rocha. Ou então, se o talude já sofreu a desestabilização são adotadas medidas corretivas, com intuito de diminuir e monitorar os movimentos evitando que ocorram novamente, como por exemplo o deslizamento. Dentre os métodos apontados abaixo, assinale a alternativa incorreta:

  Os muros de arrimo são estruturas de contenção que garantem a estabilidade e escoramento do maciço de solo.
  As obras de drenagem têm a finalidade de captar e direcionar as águas evitando a percolação e infiltração interna do maciço.
  a utilização de bermas é uma alternativa simples e eficaz, ao qual é realizado retaludamento do maciço com diminuição da inclinação do talude.
  As obras com revestimento de proteção superficial podem ser tanto de materiais naturais com cobertura vegetal de qualquer espécie vegetal.
  Os materiais estabilizantes são produtos químicos combinados ao maciço de solo, entre eles estão o uso de concreto projetado.

Questionário 05

 Pergunta 1 Os deslizamentos nas encostas, destacam-se como uma das principais formas e processos de movimentos de massa. Os movimentos de massa mais importantes e bastante comuns nas áreas urbanas de encostas do Sudeste e Sul do Brasil são:

  Os Rastejos, que se caracterizam por movimentos muito rápidos e por uma alta complexidade dos processos de transporte de materiais.
  As Corridas (ou fluxos), que se caracterizam por movimentos lentos; os materiais se comportam como fluidos de alta viscosidade. Estão geralmente associados à baixa concentração dos fluxos de água superficiais em algum ponto da encosta.
  Os Escorregamentos, que se caracterizam por movimentos rápidos, de curta duração, com plano de ruptura bem definido; são classificados como rotacionais (slumps) ou translacionais.
  As Avalanches de detritos, que se caracterizam por movimentos lentos de solo e rocha de regiões montanhosas úmidas.
  As Quedas de blocos, que se caracterizam por movimentos rápidos de blocos caindo pela ação da gravidade na presença de uma superfície bem definida de deslizamentos, indiferente aos processos de intemperismo físico e químico.
 
Pergunta 2 O que mais provoca fatalidades no Brasil são os deslizamentos em áreas serranas, como os que acontecem no Estado do Rio de Janeiro, Estes movimentos são caracterizados pela ocorrência de diversos desastres naturais e com alto poder destrutivo:

  Rastejo.
  Tombamentos.
  Fluxo de lama.
  Rolamentos.
  Subsidência.
 
Pergunta 3 Os movimentos de massas que geram a desestabilização de talude geralmente dependem da natureza do material, da velocidade de movimentação e natureza do movimento. Os fatores internos que agem no talude são caracterizados pela diminuição da resistência interna do material do maciço, ou seja, aumentam a solicitação do talude. Analise as questões abaixo e assinale a alternativa CORRETA.

  As características do material influenciam na resistência do talude, entretanto não existem solos fracos.
  As rachaduras são fatores externos e não alteram a estrutura interna do talude.
  O intemperismo é um fator que ocorre na natureza que não altera as reações físico-químicas do material.
  A água de chuva gera a instabilidade de taludes levando ao escorregamento externa e não influenciam na diminuição da resistência interna do maciço.
  As propriedades de coesão, compressibilidade, atrito, peso específico do solo e resistência são importantes para a estabilidade dos taludes.
 
Pergunta 4 A análise de estabilidade dos taludes tem como principal objetivo impedir a movimentação das massas e evitar a instabilidade. Pode-se dizer que a instabilidade é deflagrada quando as tensões cisalhantes se igualam a resistência ao cisalhamento. Conforme pode-se observar na imagem abaixo. Analise as alternativas abaixo:

I – A análise de estabilidade de taludes avalia a superfície potencial de ruptura através de métodos de equilíbrio-limite.
II - Pode-se expressar o fator de segurança como relação entre a tensão de cisalhante(atuante) dividido pela resistência ao cisalhamento (resistentes).
III – Os métodos probabilísticos expressam a análise de ruptura através do estabelecimento do FS (fator de segurança) e no determinístico é quantificado o FS a partir de incertezas. 
IV – O coeficiente de segurança determinada a condição do talude através do nível de segurança para vida humana e ambiental.
V – Para adotar um dos diferentes métodos de cálculo de estabilidade, é necessário conhecer somente o FS.

Qual alternativa está correta:

  II, III, V.
  III, IV, V.
  I, III, IV.
  II, IV, V.
  I, II, IV.

Questionário 06

 Pergunta 1 Existem diferentes métodos de análise de estabilidade de taludes. Um deles é tido como infinito quando a relação entre as suas medidas (área e profundidade) for muito grande. Com relação a este método de análise de estabilidade avalie as suposições abaixo e assinale a alternativa correta.

  Considera-se a movimentação da massa como uma única e rígida.
  Não podem considerados para maciços, homogêneos ou estratificados.
  A geometria e inclinação é considerada homogênea e não definida.
  A linha potencial de ruptura é considerada circular à superfície do terreno.
  Não se pode considerar neste método que provocam o desequilíbrio de forças.
 
Pergunta 2 Para a situação de talude semi-infinito, desenvolva a expressão para FS admitindo fluxo paralelo à superfície. E que a profundidade da superfície de ruptura seja 5 metros e o talude tenha inclinação de 20º. O talude indicado na figura é formado por solo coluvionar com coesão, c’=0; ângulo de atrito, φ’=32º e peso específico saturado de γsat=17kN/m3. Determine o FS do talude e afirme sobre a estabilidade dele. 

Lembrando que peso especifico da água é de 10kN/m³.

  FS = 2,92 e o talude está estável.
  FS = 0,70 e o talude está estável.
  FS = 0,70 e o talude está instável.
  FS = 1,20 e o talude está na iminência de ruptura.
  FS = 1,20 e o talude está estável.
 
Pergunta 3 Os solos moles argilosos estão presentes no dia-a-dia de obras de aberturas de valas, travessias, escavações, fundações e aterros. O que se pode afirmar sobre este tipo de solo? Assinale a alternativa correta: 
  Elevado teor de material retido na peneira de número 200.
  Ocorrência em ambientes bem drenados com nível freático bem abaixo da superfície.
  Boa resistência mecânica, embora sempre seja necessário ter cuidado com a baixa compressibilidade.
  Tem como origem formações de rochas metamórficas.
  Elevada compressibilidade por conta da grande permeabilidade.
 
Pergunta 4 Solos moles estão presentes em todos os lugares, principalmente em áreas de várzeas. Barragens construídas em Marília e estradas em baixadas são exemplos de obras que devem ter problemas de recalques por conta de solos moles. Além do problema característico de solo de recalque nos solos moles, assinale a alternativa INCORRETA em relação às demais complicações.

  A formação de lama no terreno leva à perda da resistência do solo.
 Interferência em recalques em fundações e elementos estruturais.
  O tráfego de equipamentos durante a construção do aterro.
  Não há risco de ruptura durante a construção de aterros.
  Perda de estabilidade após a construção dos aterros.

Questionário 07

 Pergunta 1 Considerando que barragens de terra são as obras mais comuns e são bastante simples. Apesar desta simplicidade, os acidentes com barragens de terra são os mais comuns e causam muitas fatalidades. Por isso devem ser verificadas as características geotécnicas de um aterro de barragem. Associe a coluna da direita com a coluna da esquerda em relação às verificações das barragens de terra. 

1 – Estanqueidade                             a- mínimo de permeabilidade. 

2 – Estabilidade                                  b- para evitar o piping 

3 – Resistência                                   c- estável quando sujeita a esforços

4 – Controle de percolação,              d- análise de tensões totais e efetivas  

Qual a alternativa correta?
  1 – a; 2 – c; 3 – b; 4 – d.
  1 – c; 2 – d; 3 – a; 4 – b.
  1 – a; 2 – c; 3 – d; 4 – b.
  1 – d; 2 – c; 3 – b; 4 – a.
  1 – c; 2 – b; 3 – a; 4 – d.
 
Pergunta 2 A linha azul na figura abaixo representa a linha de percolação de água por dentro de uma barragem de terra. A saída desta linha, apontada na figura, bem no meio do talude jusante pode causar o fenômeno de “piping”, que é o carreamento de materiais, com formação de vazios e instabilidade do talude de jusante, podendo levar ao rompimento da barragem. Qual soluções podem ser adotadas para evitar o “piping” do talude de jusante:
  Solo Ensacado.
  Construção de zoneamento.
  Cortinas impermeáveis.
  Aumento da inclinação do talude de jusante.
  Filtros e tapete drenante.
 
Pergunta 3 O rebaixamento do lençol freático é indicado em todos os casos que seja necessária a construção de qualquer obra civil que esteja parcialmente ou total abaixo do lençol freático, ou seja, que possa gerar interferência direta ou indireta na operação. Para o estabelecimento de um projeto de rebaixamento deve-se ter o conhecimento dos seguintes parâmetros, EXCETO:
  Profundidade dos dispositivos de drenagem.
  Vazão que se pretende extrair de cada sistema de drenagem (poço, ponteira ou drenos).
  Tipo de rebaixamento (métodos adotados).
  Não é importante conhecer o tipo de solo e sua permeabilidade.
  Diâmetro dos dispositivos.
 
Pergunta 4 Considerando um projeto de sistema de rebaixamento de lençol freático, assinale a alternativa CORRETA que apresenta o conceito de um método novo, pouco utilizado, que consome muita energia e é chamado de drenagem por eletrosmose.
  Sistema composto por dois tubos concêntricos ou dois tubos paralelos instalados em pré-furo. Na extremidade inferior do tubo interno ou de um dos tubos paralelos, são instalados o bico injetor Venturi e o obturador. Todo o conjunto é apoiado no topo do filtro, formando um espaço confinado. A sucção da água do lençol é realizada pela subpressão obtida através da circulação forçada de água.
  Sistema de instalação de tubos perfurados e dotados de filtros, instalados no terreno a pequenas distâncias entre si e ligados a uma central de bombeamento através de um coletor.
  Sistema de instalação de um tubo poroso ou perfurado instalado previamente em valeta central ou lateral à área a ser escavada. O rebaixamento é realizado através de bombas instaladas na superfície.
  Sistema ao qual ocorre a passagem de uma corrente elétrica continua entre dois eletrodos instalados em um solo saturado, a água contida percolará no sentido do ânodo para o cátodo, dai vai ser coletada e esgotada por meio de bomba.
  Sistema de instalação de poço constituído por tubo perfurado, envolto em material filtrante adequado, instalado em pré-furo. O rebaixamento é feito através de bomba conectada ao tubo situado no fundo do poço.

Questionário 08


 
 ATIVIDADE RESOLVIDA
 
    R$45,00 NO PIX

    eng.carlosjfilho@hotmail.com

    APÓS FAZER O PIX ACESSE O LINK ABAIXO 
    Contatos


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dúvidas? Sugestões? Fale com o Professor Carlão!

As Dez Mais Lidas...

Leia também...

PORTFÓLIO - Química e Ciências dos Materiais [NOTA MÁXIMA]

  Relatório de Aula Prática - Química e Ciências dos Materiais Observar por meio de alguns testes de propriedades físicas o comportamento do...