19/05/2023

Engenharia Econômica - Avaliação Contínua [RESOLVIDA]

TEXTO 1

 Análise e Projeções de Inflação                                                    

“Os dados mais recentes mostram que o processo de desinflação da economia brasileira vem se consolidando nos últimos meses. Após encerrar 2022 com alta de 5,8%, recuando fortemente em relação ao observado em 2021 (10,1%), a inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) manteve sua trajetória de desaceleração. Assim como ocorrido no primeiro bimestre de 2023, a expectativa para o restante do ano é de contínua desaceleração dos preços dos bens e serviços livres, conjugada a uma alta mais intensa dos preços administrados, impedindo, portanto, novos recuos da taxa de inflação. Dentro deste contexto, as projeções do Grupo de Conjuntura da Dimac/Ipea para o IPCA indicam que a inflação acumulada em 2023 deve manter-se no nível atual, encerrando o ano em 5,6%.(...)”

 TEXTO 2

Rendimento da poupança hoje e acumulado em 2023

Rendimento da poupança hoje: maio de 2023

“O rendimento da poupança em maio está em 0,6503% mensal ou 8,09% anual.  Na base mensal, ele é calculado como 0,5% ao mês + TR (0,2392%) para depósitos feitos até 28 de abril.

Após a última decisão do Copom, na reunião de 03 de maio de 2023, a taxa Selic se manteve em 13,75% ao ano. A sexta reunião consecutiva sem nenhum tipo de alteração, o que indica término do ciclo de aperto monetário.

Lembrando que os juros da poupança dependem do valor anunciado para a taxa Selic, que é divulgado a cada reunião do Copom. Além disso, existem algumas regras para entender o rendimento:

  • Quando a taxa Selic for maior que 8,5% ao ano, o rendimento da poupança será de 0,5% ao mês, somada à Taxa Referencial (TR);
  • Quando a taxa Selic for menor que 8,5% ao ano, o rendimento da poupança será de 70% da taxa Selic, somada à Taxa Referencial (TR).

A próxima reunião do Comitê de Política Monetária (conhecido como Copom) para definir a taxa Selic acontecerá nos dias 20 e 21 de junho de 2023. A expectativa é de que o Copom mantenha a Selic inalterada na ocasião.”

 

Com base nas informações acima, considerando as situações hipotéticas abaixo, responda às questões apresentadas.

Situação A - considerando um capital na poupança de R$ 2.000,00 aplicando a taxa de juros compostos cujo percentual equivale a 10,75% menos do que o índice da taxa Selic utilizado como referência para o cálculo do rendimento da caderneta de poupança, por um período de 5 meses e 15 dias, com capitalização mensal.

Situação B - considere que um colaborador adquire um empréstimo pela empresa que trabalha no valor de R$ 12.000,00 no dia 1º de maio e vai devolver um total de R$ 12.700,00 exatamente 1 ano depois.

Com base nessas informações:

A. Qual o percentual da taxa de juros compostos prevista na situação A?

B. Determine o valor do montante adquirido na situação A.

C. Calcule o valor dos juros pagos na situação B.

 
 
 ATIVIDADE RESOLVIDA
 
    R$45,00
     
    CHAVE PIX 
    TELEFONE
     
    75992709085

2 comentários:

  1. Essa resposta é completa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim...a resposta é completa! Já temos retorno positivo do Professor da disciplina! Nota dez!

      Excluir

Dúvidas? Sugestões? Fale com o Professor Carlão!

As Dez Mais Lidas...

Leia também...

SUB 1 - Administração e Economia Para Engenheiros

1) A administração cientifica apresenta seus 4 princípios, são eles: planejamento, preparo, controle e execução; Considerando o tema “Admini...