08/04/2023

OBRAS DE TERRA - PRV - Prova [RESOLVIDA]

Pergunta 1 Os taludes podem ser bem difíceis de serem contidos, podendo em alguns casos ocasionar deslizamentos capazes de provocar acidentes em grande escala como, por exemplo, impedir a passagem de veículos nas estradas ou soterrar casas e pessoas (BONOMO e CHAGAS,2017 apud EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA, 2003). Desta forma, existem diferente métodos de estabilização de taludes que tem como finalidade evitar que ocorram estes problemas, em relação as afirmativas abaixo o que NÃO se pode afirmar:
  • O uso de revestimentos naturais com a plantação de espécies vegetais adequadas ao clima do local garante a proteção principalmente contra a erosão superficial.
  • A água é um fator que afeta negativamente na estabilidade de talude, portanto o uso de sistemas de drenagem tanto superficial como profunda são eficazes. 
  • Uma forma de estabilizar os taludes é através de bermas, ou seja, na forma taludada o ângulo de inclinação diminui e é necessário a realização de bermas.
  •  A estabilidade de taludes varia conforme o tipo de solo, inclinação e profundidade.
  •  É necessário verificar a estabilidade de taludes de acordo com a berma adotada.
Pergunta 2 As principais características de movimentos de solos e encostas, muito comuns na região de Marília nos Itambés, são a falta de planos de deslocamento, material em alta velocidade de deslocamento (m/s) e material em queda livre. Estes movimentos são do tipo?
  •  Rastejo.
  •  Subsidência.
  •  Deslizamentos.
  •  Fluxo de lama.
  •  Tombamentos.
Pergunta 3 Na execução de um prédio residencial, surgiu-se a necessidade da execução de um muro de arrimo com 6,0 metros de altura. Sabe-se que o solo é areia e não apresenta coesão, ou seja, c = 0. Além disso, o ângulo de atrito interno deste solo é de 33º e o peso especifico de 1,75 tf/m³. Tem-se a intenção de realizar o muro de arrimo em 90º, perpendicular ao nível do terreno, entretanto com nível do terreno reta, ou seja, com inclinação de 0º. E considerado que o material a ser utilizado seja liso, sem rugosidade. Através da teoria de RANKINE, determine a resultante do EMPUXO ATIVO que estará exercendo nesta estrutura e o ponto de aplicação. Assinale a alternativa que mais se aproxima do resultado.
  • 25 tf/m.
  • 16,82 tf/m.
  • 5,60 tf/m.
  • 3,25 tf/m.
  • 9,15 tf/m.
Pergunta 4 Na execução de um prédio residencial, surgiu-se a necessidade da execução de um muro de arrimo com 6,0 metros de altura. Sabe-se que o solo é areia e não apresenta coesão, ou seja, c= 0. Além disso, o ângulo de atrito interno deste solo é de 33º e o peso especifico de 1,75 tf/m³. Tem-se a intenção de realizar realizado o muro de arrimo em 90º, perpendicular ao nível do terreno, entretanto com o nível do terreno natural com inclinação de 20º. Construir a estrutura de contenção com material rugoso, apresentando ângulo de atrito entre o solo-muro 20º. Através da teoria de COULOMB, determine a resultante do EMPUXO ATIVO que estará exercendo nesta estrutura. Assinale a alternativa que mais se aproxima do resultado.
  • 5,50 tf/m.
  • 11 tf/m.
  • 1,75 tf/m.
  • 44 tf/m.
  • 22 tf/m.
Pergunta 5 Os movimentos de massas que geram a desestabilização de talude geralmente dependem da natureza do material, da velocidade de movimentação e natureza do movimento. Os fatores internos que agem no talude são caracterizados pela diminuição da resistência interna do material do maciço, ou seja, aumentam a solicitação do talude. Analise as questões abaixo e assinale a alternativa CORRETA.
  • As características do material influenciam na resistência do talude, entretanto não existem solos fracos.
  • As propriedades de coesão, compressibilidade, atrito, peso específico do solo e resistência são importantes para a estabilidade dos taludes.
  • A água de chuva gera a instabilidade de taludes levando ao escorregamento externa e não influenciam na diminuição da resistência interna do maciço.
  • As rachaduras são fatores externos e não alteram a estrutura interna do talude.
  • O intemperismo é um fator que ocorre na natureza que não altera as reações físico-químicas do material.
Pergunta 6 A análise de estabilidade dos taludes tem como principal objetivo impedir a movimentação das massas e evitar a instabilidade. Pode-se dizer que a instabilidade é deflagrada quando as tensões cisalhantes se igualam a resistência ao cisalhamento. Conforme pode-se observar na imagem abaixo. Analise as alternativas abaixo:

I – A análise de estabilidade de taludes avalia a superfície potencial de ruptura através de métodos de equilíbrio-limite.
II - Pode-se expressar o fator de segurança como relação entre a tensão de cisalhante(atuante) dividido pela resistência ao cisalhamento (resistentes).
III – Os métodos probabilísticos expressam a análise de ruptura através do estabelecimento do FS (fator de segurança) e no determinístico é quantificado o FS a partir de incertezas.
IV – O coeficiente de segurança determinada a condição do talude através do nível de segurança para vida humana e ambiental.
V – Para adotar um dos diferentes métodos de cálculo de estabilidade, é necessário conhecer somente o FS.
Qual alternativa está correta:
  • I, II, IV.
  • II, III, V.
  • I, III, IV.
  • II, IV, V.
  • III, IV, V.
Pergunta 7 É importante conhecer os movimentos de massas e como se comportam para prever o plano de ruptura e assim posteriormente realizar a análise de estabilidade. O principal objetivo é evitar que a movimentação gere consequências que muitas vezes são graves. Leia as proposições abaixo e assinale a alternativa INCORRETA:
  • as consequências para proprietários das áreas que utilizam a área para produtividade agrícola, industrial, florestal e turismo não afeta com prejuízos a eles.
  • os custos diretos correspondem ao reparo de danos, manutenção das obras e realocação das estruturas.
  • existem dois fatores considerados que levam a ocorrência dos movimentos: suscetibilidade e vulnerabilidade.
  • as consequências podem ser classificadas em custos direto e indiretos.
  • os custos indiretos podem ser considerando imensuráveis já que podem levar a perda de vidas humanas e invalidez.
Pergunta 8 Para a avaliação da resistência ao cisalhamento dos solos, emprega-se, comumente, o critério de ruptura de Mohr-Coulomb, que consiste na utilização do círculo de Mohr, representando as solicitações, e de uma envoltória, que representa a resistência ao cisalhamento do solo. Os círculos representam as tensões (normais e cisalhantes) em qualquer plano da massa de solo e a envoltória define os limites de resistência ao cisalhamento para cada um desses planos. Os esquemas de 1 a 4 ilustram os círculos de Mohr e as envoltórias para quatro diferentes estados de tensão em um ponto de uma massa de solo. Nos esquemas, C representa a coesão do solo, 𝜙 é o ângulo de atrito, 𝜎 representa as tensões normais (sendo 𝜎1 a tensão principal maior, 𝜎2 a tensão principal intermediária e 𝜎3 a tensão principal menor) e 𝜏 representa as tensões cisalhantes. A respeito desses esquemas, avalie as afirmações a seguir.

I. O esquema 1 corresponde a uma amostra de solo que se encontra submetida somente a uma pressão hidrostática e, nesse estado, a tensão de cisalhamento é nula.
II. O esquema 2 corresponde a uma amostra de solo que excedeu a resistência ao cisalhamento em mais de um plano, o que não é permitido pelo critério de Mohr- Coulomb.
III. O esquema 3 corresponde a uma amostra de solo que se encontra submetida a uma tensão cisalhante inferior à sua resistência ao cisalhamento.
IV. O esquema 4 corresponde a uma amostra de solo que atingiu a resistência ao cisalhamento em algum plano e, por essa razão, ocorreu a ruptura.
É correto o que se afirmar em:
  • III e IV, apenas.
  • II e IV, apenas.
  • I, II, III e IV.
  • I e II, apenas.
  • I e III, apenas.
Pergunta 9 O empuxo de terra é uma força horizontal que tende a movimentar o plano de contenção.  Um dos métodos clássicos de cálculo é no equilíbrio-limite. Assim a ruptura do solo ocorre em infinitos planos de ruptura e a plastificação de todo o maciço.  Com relação ao método da teoria de Rankine o que se pode afirmar?
  • A teoria de Rankine determina o plano de ruptura do maciço, entretanto nada se pode afirmar em relação ao valor da tensão de cisalhamento.
  • Para a aplicação da teoria de Rankine deve-se considerar que o solo é homogêneo, com superfície plana do terreno e com atrito entre solo-estrutura.
  • A teoria de Rankine corresponde as tensões na ruptura que são obtidas através do circulo de Mohr.
  • A teoria de Rankine determina que os solos sejam não-coesivos, portanto o método não pode ser adaptado para solos coesivos sujeitos a ocorrência de fendas de tração.
  • A teoria nada afirma sobre o plano da estrutura de contenção com o solo, ou seja, a contenção pode ter estrutura inclinada.
Pergunta 10 Os fatores de segurança a serem introduzidos nas análises de estabilidade de taludes de barragens devem cobrir as incertezas relacionadas com:

I - As resistências dos diversos horizontes de todos os solos que ocorrem na obra;
II - As pressões efetivas (somente) construtivas;
III – A precisão de cálculo
IV – A grandeza e a distribuição das subpressões nas fundações;
V - Eventuais falhas construtivas e configuração geométrica dos taludes internos e externos e dos materiais. 
Assinale as alternativas CORRETAS:
  • I, II e III.
  • I, IV e V.
  • II, III e IV.
  • III, IV e V.
  • II, IV e V.

 
 ATIVIDADE RESOLVIDA
 
    R$30,00
     
    CHAVE PIX
     
    eng.carlosjfilho@hotmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dúvidas? Sugestões? Fale com o Professor Carlão!

As Dez Mais Lidas...

Leia também...

PORTFÓLIO - Química e Ciências dos Materiais [NOTA MÁXIMA]

  Relatório de Aula Prática - Química e Ciências dos Materiais Observar por meio de alguns testes de propriedades físicas o comportamento do...